aqui também há tops

Em jeito de encerramento deste ano, e já que também não tenho muito mais a dizer, deixo-vos um apanhado geral do que por aqui passou em termos musicais. A meu ver foi um ano fraquito em termos de novidades, ou então fui eu que andei desatenta.

Ora então vamos lá…

Melhores álbuns: o regresso de  Dave Matthews Band Away From the Worldos noviços Alt-J com An Awesome Wave, que tal como eu previa ganharam um Mercury Prize (note to self: em 2013 tenho que usar estes skills the premonição para coisas mais úteis, tipo euromilhões); o eargasmic Coexist, The XX; e, os indiscutiveis vencedores… The Black Keys, com El Camino

Maiores desilusões / Pessoas que deviam saber quando arrumar as botas: Green Day e The Offspring

Melhores concertos (há muito aguardados): Blink182 e Ornatos Violeta

Melhor concerto imprevisto: Birds are Indie

Companheiros de corrida e caminhadas: The Naked and Famous e Hot Chip

O que mais rodou no meu iPod: The Beatles

Anúncios
aqui também há tops

3 pensamentos sobre “aqui também há tops

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s