o drama, o horror

Tudo começou no facebook. Nas minhas notificações alguns amigos estavam a “likar” uma página de seu nome Daily Cristina. “Questamerda?!”, pensei eu. E, na minha parva ingenuidade, coloquei o cursor sobre o avatar. A miniatura que aparentava ser uma coisa catita, quiçá mais uma loja de coizas  portuguezas phinas e overpriced (era aqui que devia ter deixado de ser parva), revelou-se afinal nada mais do que uma foto demasiado photoshopada da Cristina Ferreira com um link. Foi aí percebi que a histérica chegou ao mundo dos blogs. Uma grande merda, sem tirar nem pôr.

E agora?! Será que isto vai virar moda?! Já estou a ver o efeito bola de neve. Vamos ser invadidos pelos fãs desta gaja e do Goucha e daqui a pouco isto é só uma versão virtual da revista Maria,  dramas made in correio da manhã e pessoas que acham que engravidaram porque um estranho as olhou fixamente .

Será que é merda? É merda sim!

Anúncios
o drama, o horror

3 pensamentos sobre “o drama, o horror

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s